Veneziano lamenta morte do empresário Cássio Azevêdo e relembra parceria para implantação da AeC em Campina Grande

O Vice-Presidente do Senado Federal, senador Veneziano Vital do Rêgo (MDB-PB) lamentou, através de postagem em suas redes sociais, a morte do empresário Cássio Rocha de Azevêdo, fundador da AeC Call Center, ocorrida neste sábado (05), aos 60 anos, em Belo Horizonte. Cássio estava tratando de um câncer, desde o mês de abril, no Hospital Mater Dei, na capital mineira.

Veneziano lembrou a época em que era prefeito de Campina Grande e firmou parceria com a AeC para a implantação da primeira unidade da empresa na Paraíba, no bairro do Cruzeiro, gerando empregos e fortalecendo a economia da cidade. Segundo Veneziano, Cássio era “um companheiro, parceiro e empreendedor, que muito contribuiu para o desenvolvimento e a geração de emprego em Campina Grande, quando de nossa gestão como prefeito da cidade”.

O senador afirmou que, a partir da parceria firmada entre a Prefeitura de Campina Grande e a AeC, a cidade se fortaleceu na geração de emprego e ganhou um impulso econômico importante. “Inauguramos uma grande e moderna unidade da empresa em Campina Grande, no mês de abril de 2012, gerando, de imediato, 5 mil empregos, principalmente para mulheres e jovens; além de outros tantos empregos nos anos posteriores”, relembrou Veneziano.

Atualmente, Cássio Azevêdo era Secretário de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais e estava afastado do cargo para se dedicar ao tratamento. “A você, meu amigo e irmão, desejo o descanso eterno e as homenagens que você merece, em nome de Campina Grande e de seu povo”, finalizou o senador paraibano, que recentemente havia recebido Cássio e comitiva da AeC em seu gabinete, em Brasília.

Assessoria