Haddad defende candidatura de Lula: ‘se o STF reparar injustiça, ele é favorito’

247 – O ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad defendeu nesta quarta-feira, 10, a possibilidade do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva ser candidato nas eleições de 2022.

Em entrevista ao UOL, o candidato a presidente pelo PT nas eleições de 2018 disse que esperar que até o fim deste ano o Supremo Tribunal Federal julgue o pedido de suspeição do ex-juiz Sérgio Moro e anule a sentença contra Lula no caso do triplex do Guarujá, restabelecendo os direitos políticos do ex-presidente.

“Para mim, [Lula] é o melhor candidato. Mesmo que não fosse, como ele teve os direitos políticos ilegitimamente cassados, penso que ele, como o maior líder político do país, o presidente mais bem avaliado da história do país, se o Supremo chegar à conclusão de que houve uma injustiça e promover uma reparação que para mim é devida, eu penso que ele se torna o candidato favorito em 2022”, disse Haddad.

“Se depender de mim como cidadão e advogado do presidente Lula, isso vai acontecer. E a população é que vai dar a última palavra a respeito do grande governo que ele fez”, acrescentou.

A posição de Fernando Haddad é compartilhada pela presidente nacional do PT, deputada Gleisi Hoffmann. Ela disse que o PT aposta em Lula como candidato para as próximas eleições presidenciais em 2022. “Nós gostaríamos muito, porque eu acho que ele merece esse julgamento das urnas”, disse Gleisi.

Assista à entrevista de Fernando Haddad:

Loading video