Famílias de Mentira: megaoperação internacional descobre um novo esquema para entrar ilegalmente nos EUA

A organização, nas duas últimas duas semanas, realizou operações junto com a Interpol em busca de quadrilhas que fazem da imigração ilegal um negócio.

O tráfico de pessoas é o crime que, só este ano, movimentou R$ 8 bilhões no Brasil, segundo a estimativa da Polícia Federal. A organização, nas duas últimas duas semanas, realizou operações junto com a Interpol em busca de quadrilhas que fazem da imigração ilegal um negócio.

Para fugir da fiscalização, os bandidos mudaram de estratégia e agora estão criando famílias de mentira para facilitar a entrada clandestina de imigrantes nos Estados Unidos.

O Fantástico teve acesso com exclusividade a detalhes da investigação, áudios dos criminosos e escutas telefônicas autorizadas pela Justiça. A reportagem especial é de Mohamed Saigg, Raphael Nascimento e Pedro Figueiredo.

Crianças alugadas. Casamentos arranjados. Famílias de mentira. Estratégias utilizadas por traficantes de pessoas para driblar as novas regras migratórias dos Estados Unidos.

Criminosos que foram alvo de uma operação internacional da Polícia Federal e da Interpol. Ao todo, 216 pessoas foram presas em 34 países.

O Fantástico percorreu quatro estados brasileiros que também foram alvo da Operação Turquesa para ouvir as vítimas e trazer os detalhes dessas investigações.

Fonte: Fantástico