Eva Gouvêia oficializa convite do PSD a João Azevêdo: “perfil conciliador e de diálogo simpatiza com o que o PSD defende”

Em conversa com o ClickPB, nesta sexta-feira (14), ela confirmou que oficializou o convite para o governador João Azevêdo ingressar no partido.

A vereadora de Campina Grande, Eva Gouveia (PSD), fundadora do partido na Paraíba, e secretária-executiva de Articulação Política do Governo do Estado, em conversa com o ClickPB, nesta sexta-feira (14), ela confirmou que oficializou o convite para o governador João Azevêdo ingressar no partido. 

“Tenho conversado com o Governador João Azevedo sobre as questões partidárias. Desde a nossa aproximação. Respeito demais o tempo do Governador em relação a se posicionar. É uma questão muito pessoal dele de avaliar.  Mas fiz o convite, eu e o presidente Kassab temos conversado sobre isso”, disse. 

Para a parlamentar, o tempo para uma decisão vai se aproximando. “Daqui a pouco teremos poucos partidos no Brasil e o perfil moderado, conciliador e de diálogo do Governador simpatiza muito com o que o PSD defende”, destacou.

Ainda segundo ela, o governador deve analisar o convite, já que “está em um partido que tem discutido uma federação com outro, que caminha na contra mão do que ele representa para o estado”, avaliou ao lembrar da criação de uma federação entre o Cidadania e o PSDB para as eleições de 2022.

Eva que é secretária geral do partido, que tem na presidência o ex-prefeito e pré-candidato a deputado federal Romero Rodrigues, lembrou que o próprio Romero torce pelo crescimento da legenda, ao reforçar a importância de um govenador dentro do partido. “O nosso Presidente Estadual é o maior entusiasta do crescimento do partido, e eu sinceramente, acho que não terá problemas. Romero é de diálogo assim como João”, analisou.

Eva foi nomeada por João Azevêdo para a secretaria executiva de Articulação Política, em novembro do ano passado. A vereadora é viúva do deputado federal Rômulo Gouveia, líder político paraibano que foi o primeiro presidente da sigla no Estado, logo após sua criação.

Fonte: ClickPB