Camelô que usava placa com a inscrição ‘roubado’ para anunciar produtos é preso

Policiais civis da 29ª DP (Madureira) prenderam em flagrante, nesta sexta-feira (04), um homem acusado de receptação. Eles realizavam buscas em Madureira, Zona Norte do Rio, para apurar denúncias que circulavam em redes sociais indicando que camelôs estariam comercializando biscoitos com uma placa informando que o produto era roubado.

Em determinado momento da ação, os agentes localizaram um homem na Avenida Edgard Romero, próximo a uma banca com diversos biscoitos expostos e à venda, com uma placa indicando que eram produtos roubados.

Segundo os policiais, o camelô alegou que o material não era roubado e apresentou cupons referentes à compra, afirmando que usava a placa como “estratégia de marketing”. O vendedor e os produtos foram levados para a delegacia. Com o camelô, foi apreendido um aparelho celular que havia sido roubado em março deste ano, no bairro de Campinho, que também fica na Zona Norte.

Ele foi preso em flagrante pelo crime de receptação de telefone celular roubado. Além disso, foi instaurado outro procedimento para apurar melhor a procedência dos produtos expostos à venda com a placa que indicava serem roubados. Se ficar comprovado que os produtos são de fato frutos de roubo, o investigado responderá pelo crime de receptação qualificada.

É a completa desmoralização,e uma radiografia do Brasil de hoje.

Redação com Super Rádio Tupi