Brasil registra primeiros casos de varíola dos macacos em três crianças de SP

Prefeitura Municipal afirma que todas estão em monitoramento, sem sinais de agravamento

Os primeiros casos de varíola dos macacos em crianças no Brasil foram confirmados nesta quinta-feira, 29. A Prefeitura de São Paulo informou que três crianças do município foram infectadas. De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, todas estão em monitoramento, sem sinais de agravamento. Até quarta-feira, 27, o país computava 978 casos da doença, conforme dados divulgados pelo Ministério da Saúde. No último fim de semana, a Organização Mundial da Saúde (OMS) decretou que a varíola dos macacos é uma emergência de saúde pública, de caráter global.

A doença viral geralmente se espalha por contato próximo. O vírus pode ser transmitido por meio do contato com lesões na pele e gotículas de uma pessoa contaminada, bem como através de objetos compartilhados, como roupas de cama e toalhas. O período de incubação da varíola dos macacos é geralmente de seis a 13 dias, mas pode variar de cinco a 21 dias. Em relação aos sintomas, os pacientes que têm testado positivo para a doença apresentam febre, dor de cabeça, dores musculares e nas costas durante os primeiros cinco dias. Erupções cutâneas (na face, palmas das mãos, solas dos pés), lesões, pústulas e, ao final, crostas. Segundo a OMS, os sintomas da doença duram de 14 a 21 dias.

Fonte:JP News